Em nova chance, Carlos Miguel tenta repetir Cássio para se manter invicto no gol do Corinthians

Como foi com o titular em 2012, goleiro tem início de trajetória sem derrotas no Timão

| GLOBOESPORTE.COM / MARCELO BRAGA


Carlos Miguel em treino do Corinthians — Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Carlos Miguel fará o seu quarto jogo com a camisa do Corinthians neste sábado, às 18h30 (de Brasília), diante do Santo André, em jogo que fecha a primeira fase do Paulistão.

Titular e capitão da equipe, Cássio nem foi relacionado pelo técnico Fernando Lázaro (confira a lista completa). Assim como Roni e Adson, o camisa 12 está pendurado com dois cartões amarelos, que serão "limpos" a partir da fase de quartas de final.

Leia também + Fagner responde se tem saudades de VP + Mirandinhas: entenda o apelido de Guedes e Yuri

Aos 24 anos, Carlos Miguel vem chamando a atenção do torcedor de forma positiva. Foram dois jogos no Brasileirão do ano passado, contra Atlético-MG e Athletico-PR, e um no Paulistão deste ano, no empate sem gols contra a Portuguesa em Brasília, quando Cássio se sentiu mal no aquecimento.

+ Veja mais notícias do Corinthians

Em três jogos, ele ainda não perdeu: foram duas vitórias e um empate, com dois gols sofridos.

O início lembra um pouco o de Cássio, que só foi conhecer uma derrota pelo Corinthians em seu quinto jogo em 2012, diante do Fluminense, numa disputa de Brasileirão em meio ao mata-mata da Taça Libertadores. Até lá, eram duas vitórias e dois empates, sem nenhum gol sofrido.

O início de Carlos Miguel:

24/7/2022: Atlético-MG 1x2 Corinthians - Mineirão8/10/2022: Corinthians 2x1 Atlético-PR - Neo Química Arena12/2/2023: Portuguesa 0x0 Corinthians - Mané Garrincha

O início de Cássio:

28/3/2012: Corinthians 1x0 XV de Piracicaba2/5/2012: Emelec-EQU 0x0 Corinthians9/5/2012: Corinthians 3x0 Emelec-EQU16/5/2012: Vasco 0x0 Corinthians20/5/2012: Corinthians 0x1 Fluminense

Uma possível escalação do Corinthians tem Carlos Miguel; Fagner, Bruno Méndez, Gil e Fábio Santos; Fausto Vera, Renato Augusto, Giuliano e Romero (Giovane); Róger Guedes e Yuri Alberto.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE